Acadêmicos da Rocinha investe em comissão à frente de seus segmentos

Spread the love

Acadêmicos da Rocinha investe em comissão à frente de seus segmentos

Harmonia e ala de passistas serão comandadas por comissão para o carnaval de 2023.

Almejando o retorno à Marquês de Sapucaí, a Tricolor da Zona Sul investe em comissões para comandar a harmonia e a ala de passistas da escola da agremiação. Somando forças com Rafael Oliveira, agora a escola contará também com o trabalho de Deleandro Martins e Tikinho.

Há mais de 10 anos como Diretor de harmonia, Deleandro já esteve presente no quadro de harmonias em grandes escolas como: União da Ilha,Inocentes de Belford Roxo, Villa Rica, Em Cima da Hora, Império da Tijuca, Unidos de Bangu e hoje faz parte do quadro de harmonias da Unidos da Tijuca. Na Rocinha desde sempre, Deleandro fala sobre a satisfação que é estar à frente da harmonia de sua escola de coração.

“Minha expectativa é a melhor possível, estar ‘em casa’, na escola do coração tem um significado muito grande pra mim, estou certo que faremos um grande trabalho!” exalta Deleandro.

Com quase 20 anos de experiência sendo harmonia, Tikinho já passou por diversas agremiações como Unidos da Tijuca e Mocidade. Atualmente na harmonia da Beija-flor de Nilópolis e comandando o segmento da Unidos da Ponte, Tikinho fala sobre o trabalho em conjunto na Acadêmicos da Rocinha.

“Vai ser um grande prazer fazer parte da Comissão de Harmonia com dois amigos, onde já trabalhamos juntos!”

Dando continuidade aos trabalhos da tão aclamada Ala de passistas da Borboleta Encantada, o segmento irá ficar sob os comandos de Pedro Telles, agora na companhia Duda Dance e Netinho Campos.

Cria da comunidade da Rocinha e frequentadora da quadra desde criança, Duda se apaixonou pelo samba ao assistir os ensaios da Acadêmicos da Rocinha na orla de São Conrado. Tendo passagem como passista na São Clemente e União da Ilha, e atualmente na Imperatriz Leopoldinense, Duda fala sobre a importância que é estar à frente da ala de passista do pavilhão onde começou.

“A minha vontade como cria da Rocinha é conseguir trazer a comunidade em peso para dentro da escola, fazer com que as meninas e os meninos se sintam em casa e que aprendam do zero o samba no pé assim como eu aprendi, a Rocinha é gigante e tem muita gente talentosa precisando ser vista, a acadêmicos da Rocinha é uma escola que realiza sonhos!” declara a jovem de apenas 21 anos.

Já Netinho, tem passagens como passista em grandes agremiações como: Imperatriz Leopoldinense, Grande Rio e Portela, o jovem de 23 anos fala da expectativa de trabalhar numa agremiação como Rocinha.

“São as maiores possíveis participar dessa comissão de alto calibre dentro dessa escola que tenho um carinho gigante que é a Rocinha. Tenho certeza que vamos fazer um trabalho digno do tamanho da história da Acadêmicos!” afirmar Netinho.

Lembrando que, a Acadêmicos da Rocinha será a oitava escola a desfilar na sexta-feira, dia 24/02/2023, na Intendente Magalhães.


Spread the love