GRUPO ESPECIALPortela

Produção de máscaras de tecido segue com força total no barracão da Portela

Agremiação está confeccionando três mil unidades, mas quantidade deverá aumentar em breve

A Portela está confeccionando máscaras de tecido em seu barracão, na Cidade do Samba. Inicialmente, a escola prepara três mil unidades, no entanto, a produção deverá aumentar nas próximas semanas. A ação integra uma força-tarefa comandada pela Liesa para auxiliar a população do Rio diante da pandemia do coronavírus.

“A Portela está empenhada em produzir o maior número possível de máscaras. Assim que recebemos o material, começamos a produção, que está a pleno vapor. As escolas de samba e a Liesa estão fazendo a sua parte diante da crise. Esperamos que tudo isso passe logo”, afirma o presidente Luis Carlos Magalhães.

A maior campeã do carnaval carioca, que completou 97 anos, no último dia 11, também está promovendo uma grande campanha para viabilizar cestas básicas para comunidades carentes de Oswaldo Cruz, Madureira e região.

Para conseguir comprar as cestas, que custam R$ 65 (em média), a escola está arrecadando do

ações através de uma conta bancária. Qualquer quantia será muita bem-vinda. As contribuições para a campanha Águia Solidária também podem ser feitas pelo aplicativo PicPay, via cartão de crédito.

Dados para transferência bancária:

Grêmio Recreativo Escola de Samba Portela
Banco Bradesco
Agência 3469
Conta Corrente 02683-80
CNPJ: 42.255.075/0001-63

Outro programa desenvolvido em prol da comunidade é o ‘Portela Por Todos’, que abriu espaço nas redes sociais da agremiação para divulgar gratuitamente produtos e serviços delivery de pequenos empreendedores de Madureira e adjacências. O objetivo é dar uma força a quem teve suas vendas reduzidas diante da crise.


Fotos: Divulgação

Legenda: Portela adaptou parte do seu ateliê para produzir máscaras de tecido