Aninha Malandro conversa com Nilce Fran e crianças do projeto Sambar para Sempre na live desta semana

Aninha Malandro conversa com Nilce Fran e crianças do projeto Sambar para Sempre na live desta semana

Encontros acontecem online e fazem parte do projeto Bate Papo de Malandro

Idealizadora e realizadora do International Samba Congress, Aninha Malandro conversará com Nilce Fran, coordenadora de passistas da Portela,  e com as crianças do projeto Sambar para Sempre, em mais uma agradável live do projeto “Bate Papo de Malandro”, que acontece no próximo dia 16 de outubro, às 09h ( Los Angeles), 13h (Brasil). Durante a conversa, a psicóloga que vive nos Estados Unidos há mais de duas décadas propagando e defendo a cultura brasileira, abordará a importância dos projetos sociais na manutenção e perpetuação da cultura do samba entre outros temas.

Nesta longa trajetória, Aninha, que é uma das Embaixadoras Culturais da Estação Primeira de Mangueira, também falará um pouco mais sobre a edição 2021 do International Samba Congress que, neste ano, terá formato online em virtude da pandemia da COVID19.

Para acompanhar o bate papo, basta acessar as redes sociais do projeto no Facebook ou no Youtube

Sobre Aninha Malandro                     

Nascida e criada no Rio de Janeiro, Ana Carla Laidley carrega nas veias a alma do sambista. Filha do talentoso músico brasileiro Carlinhos do Pandeiro e de Ana Gomes, sambista que integrou o reverenciado grupo de “mulatas do Sargentelli”, Aninha Malandro cresceu respirando o gênero que hoje é referência cultural quando se fala no Brasil.

Inspirada no talento do pai e no gingado da mãe que, além de apresentar-se com Sargentelli também integrou o corpo de baile de Herivelto Martins e de Jorginho do Império, a psicóloga, que  vive em Los Angeles, faz questão de compartilhar essa herança com os amantes do samba, seja dando aulas, as quais prefere chamar de “encontros” onde a conexão do samba com a mente e a alma é explícita, seja colocando em prática a máxima de que “o samba cura”.

Com passagens por escolas como Estácio de Sá, Mangueira, Viradouro, Tradição, União da Ilha, Paraíso do Tuiuti, Cubango e Portela, bebeu da fonte do que há de mais tradicional do samba. Criadora e diretora artística dos grupos Samba N’ Motion e Malandro N’ Motion, Aninha Malandro faz questão de suas obras coreográficas reflitam toda a sua compreensão, paixão e respeito à ancestralidade e legado dessa forma única de dança, o chamado ‘Samba’.  

Empreendedora Cultural, reconhecida por sua contribuição para propagação de nossa arte, Aninha Malandro foi nomeada em 2021, Embaixadora do Samba da Estação Primeira de Mangueira e da Associação dos Passistas Brasileiros Cyro do Agogô, títulos que recebeu com honra e responsabilidade na proposta de ampliar ainda mais seu papel de levar cada vez mais longe o legado deixado por aqueles que foram os precursores deste ritmo.

Paulo Costa