Viradouro já tem samba para o próximo Carnaval

Spread the love

Ao fim de uma noite de festa, a Unidos do Viradouro escolheu o samba que irá embalar seus componentes do Carnaval de 2024. A composição que venceu o concurso que teve 24 obras inscritas tem como líder da parceria Claudio Mattos. As outras duas obras finalistas tinham como principais autores Dudu Nobre e Lucas Macedo.

O evento que lotou a quadra da escola, em Niterói, teve apresentação de um megashow, com a participação de representantes de todos os segmentos, da rainha de bateria Erika Januza, das musas Carolina Macharete, Lore Improta, Bellinha Delfim e Thays Busson, e de Luana Bandeira, destaque da agremiação. O elenco de 180 artistas, dirigido e coreografado por Valci Pelé, responsável pela ala de passistas, estreou figurino confeccionado especialmente para a ocasião. O roteiro musical passeou pela história da Viradouro, através de sambas-enredo marcantes da vermelho e branco.

O intérprete Wander Pires, que teve passagem anterior na Viradouro no desfile de 2010 e está de volta à escola, e mestre Ciça, na liderança da bateria, foram alguns dos outros destaques da noite.

O título do enredo que a escola levará ao Sambódromo no ano que vem é “Arroboboi, Dangbé”, do carnavalesco Tarcísio Zanon. A Viradouro será a última escola a desfilar na Marquês de Sapucaí no espetáculo do Grupo Especial em 2024.

Samba Viradouro 2024

Compositores: Claudio Mattos, Claudio Russo, Julio Alves, Thiago Meiners, Manolo, Anderson Lemos, Vinicius Xavier, Celino Dias, Bertolo e Marco Moreno

EIS O PODER QUE RASTEJA NA TERRA

LUZ PRA VENCER ESSA GUERRA, A FORÇA DO VODUN

RASTRO QUE ABENÇOA AGOJIÊ

REZA PRA RENASCER, TOQUE DE ADARRUM

LEALDADE EM BRASA RUBRA, FOGO EM FORMA DE MULHER

UM LEVANTE À LIBERDADE, DIVINDADE EM DAOMÉ

JÁ SANGROU UM OCEANO PRO SEU RITO INCORPORAR

NUM BRASIL MAIS AFRICANO, OUTRA AREIA, MESMO MAR

ERGUE A CASA DE BOGUM, ATABAQUE NA BAHIA

YA É GU RAINHA, HERDEIRA DO CANDOMBLÉ

CENTENÁRIO FUNDAMENTO DA COSTA DA MINA

SEMENTE DE UMA LEGIÃO DE FÉ

VIVE EM MIM

A LEALDADE DAS IRMÃS DE COR

E A FORÇA QUE HERDEI DE HUNDÉ E DA LUTA MINÓ

VAI SERPENTEANDO FEITO RIO AO MAR

ARCO-ÍRIS QUE NO CÉU VAI CLAREAR

AYI! QUE SEU VENENO SEJA MEU PODER

BESSEN QUE CORTA O AYIN-AGBÈ

SAGRADO GUME-KUJO

VODUNSIS O RESPEITAM, CLAMAM KOLOFÉE

OS TAMBORES REVELAM SEU AFÉ

Ê ALAFIOU, Ê ALAFIÁ, É O NINHO DA SERPENTE

JAMAIS TENTE AFRONTAR

(PREPARADO PRA LUTAR)

ARROBOBOI MEU PAI, ARROBOBOI DANGBÊ

DESTILA SEU AXÉ NA ALMA E NO COURO

DERRAMA NESSE CHÃO A SUA PROTEÇÃO

PRA VITÓRIA DA VIRADOURO


Spread the love

Related Posts

Sandro Luiz leva cânticos umbandistas ao palco do Acadêmicos do Salgueiro

Spread the love

Spread the loveFotos: Roberto Narciso Sandro Luiz leva cânticos umbandistas ao palco do Acadêmicos do Salgueiro com show ‘Tem que ter fé’ No dia 23 de junho, domingo, a partir das 14h,…


Spread the love

Unidos de Padre Miguel realiza 1ªFeira Literária “FLI UPM”

Spread the love

Spread the loveUnidos de Padre Miguel e Secretaria Municipal de Educação se unem em Feira Literária Na próxima sexta-feira, dia 14 de junho, a Unidos de Padre Miguel abrirá as…


Spread the love

Você perdeu

Feras do Carnaval realiza entrega de Prêmios

Feras do Carnaval realiza entrega de Prêmios

Liesa começa a receber currículos para novos julgadores

Liesa começa a receber currículos para novos julgadores

Sandro Luiz leva cânticos umbandistas ao palco do Acadêmicos do Salgueiro

Sandro Luiz leva cânticos umbandistas ao palco do Acadêmicos do Salgueiro

Unidos de Padre Miguel realiza 1ªFeira Literária “FLI UPM”

Unidos de Padre Miguel realiza 1ªFeira Literária “FLI UPM”

Russian Seasons no Theatro Municipal do Rio

Russian Seasons no Theatro Municipal do Rio

Mocidade retoma projeto de mestre-sala e porta-bandeira

Mocidade retoma projeto de mestre-sala e porta-bandeira